[2010] Perguntas Frequentes (FAQ)
#1
Foi criado um campo exclusivamente dedicado à nova Competição X-Ar Series, que servirá para informar e esclarecer todos os clubes e pilotos que nos têm colocado algumas questões e sugestões, o que consideramos natural e salutar no lançamento de um novo conceito de competição em Portugal.

O entusiasmo sentido na reacção de diversas entidades, patrocinadores já confirmados, clubes e pilotos, e dúvidas construtivas que têm vindo a ser colocadas demonstram desde logo a validade e necessidade de implementação deste novo conceito.

A todos agradecemos, na certeza que estão a contribuir qualitativamente com todas as questões e sugestões colocadas.

Passamos a colocar as respectivas questões e sugestões, que nos foram sendo colocadas até ao momento, devidamente respondidas:

[glow=red,2,300]• Terá o Evento Cobertura televisiva?[/glow]

RESPOSTA: Sim. Todas as serieis e Super Final terão cobertura televisiva, através da contratação de equipa profissional de filmagens, para realização de documentário Televisivo. Também serão contactados os media, para fazer cobertura do evento.

[glow=red,2,300]• Caso uma equipa só possa participar numa das séries e nessa série não houver condições para validar nenhuma manga, qual a hipótese dessa equipa ir à super-final?[/glow]

RESPOSTA: Só se não existirem equipas suficientes a participar (no mínimo deverão existir 18 equipas pontuadas – 3 series). Caso isto aconteça, não está ainda previsto nada nesse sentido. Nessa altura a coordenação do evento decidirá, como encontrar as equipas para essa Super-Final, não estando estas pontuadas.

[glow=red,2,300]• Poderá o director de prova utilizar outras descolagens, como por exemplo na Serra da Estrela ( Covilhã, Azinha, Seia )? Isto claro para aumentar as hipóteses de realização dos voos.[/glow]

RESPOSTA: Podem ser utilizadas outras descolagens, desde que o responsável (direcção) assim o determine e informe todas as equipas inscritas de qual a descolagem oficial para o dia correspondente. A ideia é potenciar ao máximo os dias para voo dos pilotos. Os locais escolhidos e ou proximidades é sempre em função do máximo de descolagens disponíveis.

[glow=red,2,300]• O que acontece se no fim-de-semana previsto não estiverem reunidas as condições para voo no local escolhido? o evento é adiado/movido para outra data/local?[/glow]

RESPOSTA: Caso não estejam reunidas as condições para o fim-de-semana programado, será adiado para o fim-de-semana seguinte. Os locais programados serão sempre mantidos. Esta situação é válida para as SERIES 2, 3 e Super Final. No caso da 1ª SERIE, uma vez que se irá realizar na Ilha da Madeira, não haverá adiamento no caso de más condições atmosféricas.
NOTA: (será criado uma comité técnico que avaliará sempre as condições meteo atempadamente e decidirá se é de adiar/alterar ou não, pretende-se que os pilotos sejam avisados no mínimo 48 horas antes da 1ª data prevista).


[glow=red,2,300]• Esta prova tem um custo associado e prémios monetários envolvidos sendo que as classificações são baseadas no registo num servidor gratuito. Isto não pode vir a criar constrangimentos entre as partes envolvidas (xcportugal.. organização, pilotos?)[/glow]

RESPOSTA: Já foi falado com o responsável do site XCPortugal, que confirmou não haver constrangimentos/problemas pelo facto de a prova ter valor de inscrição e prémios monetários associados. Pode-se utilizar a plataforma sem problema.

[glow=red,2,300]• As classificações são baseadas no registo num servidor, como controlam isso? Como saem os resultados se estiver em baixo?[/glow]

RESPOSTA: Está contemplado no regulamento geral (ponto 9) que se o site estiver em baixo, os pilotos têm 24 horas para carregar os voos, após o site voltar a estar funcional.
Iremos descarregar da plataforma (XCPortugal) os voos, ou apenas a info necessária para processamento de classificações (será efectuado e da responsabilidade da equipa técnica de scoring Wind)


[glow=red,2,300]• Que tal ter o media team (cameraman/reporter) a voar á pendura e sacar imagens da cena in loco, com comentários pelo piloto?[/glow]

RESPOSTA: Se existirem pilotos disponíveis para isso, é sem dúvida uma possibilidade interessante. È a empresa Arrepio que irá estar responsável pelo programa de imagem vídeo e reportagens (televisivas) do X-AR, sendo uma questão que lhes poderemos colocar.

[glow=red,2,300]• Ainda não fiquei bem esclarecido acerca do formato: é distância livre, ok. Mas e então out-and-return? Conta o ponto mais afastado ou o total? Triangulações? Valem os km da distância projectada ou o score OLC?[/glow]

RESPOSTA: Será distância Total com 0 ou N pontos de viragem (como consta no ponto 7 do Regulamento) em que a distância será medida entre a descolagem e o ponto mais afastado, passando pelos pontos de viragem obrigatórios, caso existam. (relativamente a outros itens colocados, estamos a analisar hipóteses).

[glow=red,2,300]• Pode-se voar de bilugar? Conta como 1 inscrição ou 2? A classe será a da homologação da asa, certo?[/glow]

RESPOSTA: Embora não exista classe Bilugar, sim é permitido, e classifica pela classe de asa a que corresponde. A equipa deve pelo menos ter 2 elementos (equipamentos/asas – Asa Bilugar conta como 1 elemento /1 Inscrição) para pontuar em cada X-AR SERIE, porque embora a equipa seja de 3 elementos, acontece que um dos 3 terá sempre de ser descartado.
NOTA: o valor de inscrição é o mesmo, tenha 2 ou 3 elementos.


[glow=red,2,300]• Pilotos nível 3 podem participar?[/glow]

RESPOSTA: Não. Apenas pilotos com nível 4 ou 5 podem participar.


[glow=red,2,300]• A prova tem como objectivo fins lucrativos por parte da Wind?[/glow]

RESPOSTA: [color=blue]Não. O X-AR SERIES PARAPENTE Portugal 2010, pretende ser um evento sem fins lucrativos em base auto-sustentável!
Ficam aqui algumas das regras de candidatura, as quais, os Clubes e Associações foram elucidadas em documento enviado por email pela Wind, em que um dos itens/regras é o facto do valor das inscrições dos pilotos reverterem para situações diversas, com o intuito de este evento se poder tornar auto-sustentável, beneficiando especialmente os intervenientes directos - Clubes-Responsáveis; prova-prémios; pilotos-Estrutura administrativa geral.
Inscrições prevêem-se deste modo, dependendo os valores de inscrição ainda de possíveis patrocinadores, a informar oportunamente.

1 x SERIE X-AR = 15 equipas x 90€ = 1350€ (considerando máximo equipas possíveis)
Responder
#2
Olá pessoal!

Gostava de felicitar esta iniciativa de colocar as questões mais frequentes à disposição de todos, esclarencendo assim dúvidas do pessoal.

No entanto gostava de comentar duas em particular:

1 - A questão de o cameramen filmar em voo a comp , comentando simultâneamente a mesma, já foi feito há muitos anos atrás e pela mesma pessoa que vai ser responsável pelas filmagens do "X-AR Series". Das imagens que vi na altura só posso dizer que eram verdadeiramente espectaculares, impondo uma nova dinâmica à comp em parapente, especialmente aos telespectadores. No entanto este tipo de reportagem acabou por ser abandonada. Não me perguntem porquê!

2- Quanto à questão de a Wind obter lucros nesta organização.......
Responder
#3
no formulário de inscrição há um campo que pede nº de licença FPVL

esta prova é só pra Tugas ou Open?
se eu quiser ter o Maurer na minha equipa não posso?

Responder
#4
(09-Mar-2010, 15:34)bitoke link Escreveu: no formulário de inscrição há um campo que pede nº de licença FPVL

esta prova é só pra Tugas ou Open?
se eu quiser ter o Maurer na minha equipa não posso?

A prova é Open.
O formulario foi modificado permitindo colocar o numero da FPVL ou o numero da apolice.

Quando enviarem o comprovativo de pagamento, enviam também uma copia de seguro válido para o ano 2010.
Responder
#5
cool
;D

thanx!
Maurer, tás contratado!
Responder


Saltar Fórum:


Utilizadores a ver este tópico: 1 Visitante(s)